Foto: Divulgação/Americano

Romário Corrêa de Souza está de volta ao Americano Futebol Clube. Cria da casa, hoje com 29 anos, o jogador chega para a sua quarta passagem como profissional no Glorioso.

A três dias da estreia na Série A2 do Campeonato Carioca, o atacante foi anunciado nesta quarta-feira (2) para ser o 18° reforço do clube para a disputa da competição.

Natural de Campos, Romário passou pelo Sub-17 do Goytacaz, até chegar ao Sub-20 do Americano. Ainda nas categorias de base, se transferiu para o Vasco.

Após se destacar nos juniores do cruz-maltino, foi integrado aos profissionais, participando da briga pelo título brasileiro de 2012 até a última rodada.

Ficou no time da Colina até 2013, quando embarcou para o futebol português. Passou ainda pelo Boavista (RJ), até chegar ao Macaé em 2014 e fazer parte da campanha histórica que levou o Alvianil Praiano ao acesso inédito à Série B do Campeonato Brasileiro e o título da Série C.

Em 2015, atuou no futebol paulista, disputando a Série A Estadual pelo São Bento e voltou ao Macaé para jogar a Série B do Brasileirão. No ano seguinte, foi contratado pelo América-MG.

Em 2017, vestiu a camisa do Americano pela primeira vez como profissional. Integrou o time vice-campeão da Copa Rio – campanha que deu ao clube a vaga na Série D do Campeonato Brasileiro.

Voltou ao Alvinegro em 2019, defendendo a equipe na Seletiva da Série A. Ajudou o Cano a passar para a fase principal, e foi o artilheiro alvinegro no Carioca, com cinco gols – um deles empatando clássico contra o Goytacaz na fase preliminar.

– Feliz de estar voltando ao clube que amo. Apesar de ser a quarta passagem, a felicidade é a mesma. Quero ajudar da melhor forma. E conquistar o principal objetivo, que é devolver o Americano à primeira divisão – declarou ao site oficial do Glorioso.

Ainda em 2019, o centroavante teve sua segunda passagem pelo futebol português. Em 2020, o Americano acabou voltando à Seletiva e contou novamente com o atleta no grupo. Depois, ele foi reforçar o Campos na disputa da Série B1.

Gols em jogos grandes

Semifinal da Taça Guanabara 2013. O Vasco perdia por 2 a 1 para o Fluminense e estava fora da final. Eram marcados 38 minutos do segundo tempo.

Romário havia acabado de entrar. Bola na área e… Gol de empate do Vasco. Romário, aos 38min. O Cruzmaltino viraria a partida três minutos depois e chegaria à final.

Seis anos depois, já com a camisa do Americano e novamente frente a um time tradicional, Romário foi o autor do dois gols do Americano em empate com o Botafogo pela última rodada do Campeonato Carioca.

Goyta x Cano

O último clássico entre Goytacaz e-Americano foi disputado em dezembro de 2018, em partida válida pela 2° rodada da Seletiva da Série A. Jogando em casa, o Goyta abriu o placar aos 22 minutos do primeiro tempo.

Mas ainda na primeira etapa, aos 44min, Romário empatou e deu números finais ao embate.

Três rodadas à diante, o Americano avançaria à fase principal do Carioca 2019, deixando o rival pelo caminho.

O atacante falou ao Nosso Esporte RJ sobre a expectativa de voltar a decidir confrontos e disputar grandes jogos pelo Americano:

– A expectativa em jogar contra os grandes é sempre a maior possível. Buscar a oportunidade de encarar os principais times e decidir esses jogos é um combustível para mim. E quero fazer isso com a camisa do Americano. Ajudar a colocar o clube de volta à elite do futebol carioca e ao cenário nacional, lugares de onde nunca devia ter saído – enfatizou.

A estreia do Cano na Série A2 acontece no próximo sábado (5), às 15h, contra o Duque de Caxias, no estádio Marrentão, em Xerém.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui